Portal Pepper

Oscar 2018: o curioso caso de Michael Stuhlbarg, o mais pé-quente em Hollywood

Ator está em três das nove produções indicadas a melhor filme
Por: Thiago Mendes |  Foto: Divulgação / Reprodução Youtube |  Data: 27 de Fevereiro 2018
Oscar 2018: o curioso caso de Michael Stuhlbarg, o mais pé-quente em Hollywood

Ele ainda não viveu no cinema aquele grande papel que torna atores ultrapopulares e inesquecíveis, mas falar em Michael Stuhlbarg, hoje, além de ser sinônimo de talento e competência, significa, também, falar em Oscar.

Neste ano, o ator californiano, que por vezes é confundido com o colega Joaquin Phoenix, está simplesmente no elenco de três, dos nove filmes que disputam no próximo domingo (4), a principal categoria da premiação norte-americana: 'A Forma da Água', 'Me Chame Pelo Seu Nome' e 'The Post: A Guerra Secreta'.

No histórico recente, apenas John C. Reilly alcançou o feito, em 2003, ao atuar em 'Chicago' (que acabou vitorioso), 'Gangues de New York' e 'As Horas', ainda quando somente cinco filmes eram indicados. Stuhlbarg, no entanto, vai além e conta com outros quatro títulos em sua carreira que concorreram na categoria: 'Um Homem Sério' (2009), 'A Invenção de Hugo Cabret' (2011), 'Lincoln' (2012) e 'A Chegada' (2016). Até o momento, Reilly esteve em outros dois indicados: 'Além da Linha Vermelha' (1998) e 'O Aviador' (2004).

Shape CallMe ThePost

Mas há outro feito impressionante na filmografia de Stuhlbarg: dos filmes em que atuou para o cinema, nada menos que metade foi indicada a pelo menos uma categoria do Oscar. Estamos falando de 12, entre 24 produções, acrescentando-se às sete já mencionadas 'Doutor Estranho' (2016), 'Trumbo - Lista Negra' (2015), 'Steve Jobs' (2015), 'Blue Jasmine' (2013) e 'Hitchcock' (2012).

De longa carreira no teatro, Stuhlbarg só passou a se dedicar ao cinema com regularidade a partir de 2008, já aos 40 anos, o que torna ainda mais notável os fatos apresentados acima: tudo aconteceu em um espaço de apenas dez anos. Há, no entanto, outra marca que o ator ainda está por conquistar: dos sete títulos indicados ao Oscar de melhor filme em que atuou, até o momento nenhum venceu a categoria. Sua maior chance este ano está com 'A Forma da Água', embora a obra do diretor mexicano Guillermo Del Toro (este, sim, absoluto candidato à vitória em sua categoria) já não conte com o amplo favoritismo que tinha até semanas atrás. Hoje, 'Três Anúncios Para um Crime' se coloca lado a lado nesta disputa (falarei sobre os prognósticos de cada categoria nos próximos dias!).

  Artigos Relacionados

‘Três Anúncios’ vence Bafta e esquenta disputa pelo Oscar ‘Três Anúncios’ vence Bafta e esquenta disputa pelo Oscar
O filme 'Três Anúncios Para Um Crime' foi coroado neste domingo (18), como a melhor produção cinematográfica de 2017, segundo a Academia Britânica de ...
E o Oscar 2018 de melhor figurino vai para… E o Oscar 2018 de melhor figurino vai para…
No próximo dia 4 de março vamos ficar sabendo quem vai levar para casa o prêmio mais celebrado do cinema em 24 categorias, entre elas a de melhor figu...
O que você deve saber sobre um crítico de cinema O que você deve saber sobre um crítico de cinema
Várias pessoas se questionam. O que é? O que faz um critico de cinema? Pensando nisso tiramos as dúvidas com o critico Christian Petermann, há 28 anos...