Portal Pepper

Notícias

 

Critica: 118 Dias - O terror aqui é mais psicológico

O filme mostra um lado pouco visto em nossos cinemas comerciais
Foto: Divulgação |  Data: 06 de Março 2015
Critica: 118 Dias - O terror aqui é mais psicológico

Por Rubens Ewald Filho

Não são todos que conhecem o americano Jon Stewart, que chegou a apresentar uma festa do Oscar (2006) sem maiores repercussões e recentemente largou depois de muitos anos o programa de televisão que fazia The Daily Show desde 1996, com grande ênfase no humor e sátira política.

Não espere, porém nada desse tom, já que ele fez um filme muito pessoal, kafkaniano, sobre um fato real, que havia sido registrado em livro do próprio Maziar Mahari, Then They Came To Me: A Family´s Story of Love Captivity e Survival / Então eles vieram atrás de mim, a história de uma família, de amor, prisão e sobrevivência.

Muito politizado, Stewart embora judeu de família fizesse antes um filme muito interessante onde ele defendia a ideia e o seu direito de ser ateu. Por que isso é uma coisa tão feia e tão escondida quando os ateus são a maioria das minorias e seria uma ideia tão respeitável quanto às outras. Aqui, porém você não vai encontrar rastros de comicidade ou sátira.

Feito em algum sistema digital de poucos recursos, ele chamou o ator mexicano Gael Garcia Bernal que virou pau para toda obra, que de iraniano não tem nenhuma aparência. (Eles são persas e não árabes como os outros). E o colocou como o herói jornalista que vive no Canadá, portanto tem a sorte de ter outra nacionalidade. Quando esta visitando a família (e como sua mãe aparece a conhecida Shohreh Aghdashloo, que foi indicada ao Oscar pelo filme Casa de Areia e Névoa, mais A Casa ao Lado, O Apedrejamento de Soraya, a serie 24 horas, X Men, o Confronto Final etc. E ganhou o Emmy por House of Saddam, 2008. (Infelizmente aqui não tem chance de brilhar).gael garcia bernal

 

Eu confesso que para mim é difícil assistir cenas de tortura. Mas o terror aqui é mais psicológico e menos explicito do que se podia pensar e já se viu. Os torturadores são mal informados, e patéticos e então a trajetória do herói na prisão. Acho meio ridículo eu cobrar maior realista e envolvimento na tortura! É doente demais e recusou fazer isso.

Basta dizer que o 118 dias mostra um lado pouco visto aqui em nossos cinemas comerciais. Qualquer ditadura, mas pior que todas as religiosas, sempre merecem ser condenadas e expurgadas.

Critica de 118 dias (Rosewater). EUA, 14. Direção de Jon Stewart. 103 min. Com Gael Garcia Bernal, Kim Bodnia, Dimitri Leonidas, Shohreh Aghdashloo, Haluk Bilginer.

Assista ao trailer:

  Vídeos

  Artigos Relacionados

Simplesmente acontece: Quem gosta do gênero vai curtir muito Simplesmente acontece: Quem gosta do gênero vai curtir muito
Gostei muito desta comédia romântica passada na Irlanda e baseada em livro de sucesso que poderia muito bem se classificar ou melhor agradar os "young...
Kingsman: Alguns podem achar violento demais Kingsman: Alguns podem achar violento demais
Para competir com os filmes do Oscar e os Cinquenta Tons de Cinza, os americanos colocaram justamente este filme britânico só conhecido por seu traile...
Festival de Cinema de Paulínia é cancelado Festival de Cinema de Paulínia é cancelado
Um dos principais festivais de cinema do país acaba de ser cancelado. A Prefeitura de Paulínia, interior de São Paulo, afirmou que o motivo foi a cris...

Outros Assuntos

Abacaxepa lança clipe de “Picadinho” que íntegra o álbum “Caroço” Abacaxepa lança clipe de “Picadinho” que íntegra o álbum “Caroço” A banda Abacaxepa acaba de lançar o videoclipe da canção "Pi...
Saiba +
Renata Brás estreia websérie em meio à quarentena Renata Brás estreia websérie em meio à quarentena Atualmente no ar com a reprise do humorístico "A Praça é Nos...
Saiba +
“O empreendedorismo de verdade se encontra na periferia”, comenta Facundo Guerra “O empreendedorismo de verdade se encontra na periferia”, comenta Facundo Guerra Conhecido na noite paulistana, Facundo Guerra é responsável ...
Saiba +
"Na favela não se espera oportunidades, nós a criamos", diz Rick Chesther Foi-se o tempo em que as favelas e suas histórias eram relat...
Saiba +
Theatro Municipal SP apresenta “A Biblioteca de Babel” Theatro Municipal SP apresenta “A Biblioteca de Babel” O Theatro Municipal de São Paulo, ligado à Secretaria Munici...
Saiba +
Alba Flores estrela campanha vegana da PETA Alba Flores estrela campanha vegana da PETA Alba Flores, conhecida mundialmente por sua personagem Nairó...
Saiba +